Atuais

  • / ABRE ALAS 14, 03/02 – 10/03/2018

    Abre Alas, Abram Alas!

    É o começo de um tudo novo, mais um recomeço, assim é a arte que refaz a si mesma, cíclica, reinventando-se, lançando-se aos desafios do dia, da nossa época, desafios históricos, políticos, revolucionários! Novas ideias e novas propostas podem aparecer, caminhos, perguntas, respostas, ideias, cores, formas, significados… a poesia acontece a cada dia, a cada segundo, ATENÇÃO! Como pegá-la? Como colocá-la no papel, no espaço expositivo? …hummm este nome pode ser chato… na sala, na galeria, na rua, no mundo, quem sabe. Na Gentil, temos certeza que o Abre Alas é um lugar de diálogo aberto a todos.

    2018 chegou, um ano que será de reflexão e atitude. Os tempos estão para os atentos. A caravana de artistas vindos de todo o Brasil que celebram este Abre Alas vai começar a passar!

    Os artistas e coletivos selecionados para o ABRE ALAS 14, foram: Allan Sieber, Amador e Jr. Segurança Patrimonial LTDA., Angela Od, Bia Martins, Caio Pacela, Danielle Cukierman, Enorê, Gustavo Torres, Ivan Schulze, João Paulo Racy, Kammal João, Leandro Eiki, Mariana Paraizo, Maxwell Alexandre, Nathalie Nery, Rafael Pagatini, Ricardo Villa, Thiago Ortiz, VAV- Vendo Ações Virtuosas e Yoko Nishio.

    Além da exposição e das performances de alguns dos artistas do ABRE ALAS 14, também serão realizadas diversas atividades da Galeria A Gentil Carioca.

    – Lançamento e distribuíção gratuita da revista BabEL #8, edição extraordinária que trará um caderno especialmente dedicado ao ABRE ALAS 14. Com coordenação editorial de Armando Mattos, e editada pela Bab Bienal, um programa de residência artística iniciado em 2007, BabEL é uma publicação bimestral impressa, dedicada exclusivamente, à promoção da arte e a cultura da região.

    – Lançamento da “Camisa Educação de nº 76” da artista Cristina Flores: “Mamilo Broche de Mamilo” é você usar seus mamilos feito broches. A camiseta vem com 1 tesourinha + 2 decalques de mamilo e as seguintes instruções:
    – Cole meu mamilo no seu;
    – Corte ao redor.
    Devolvo teu mamilo só por hoje, beijo, Cristina Flores.

    – A “Contaminação Encruzilhada Gentil”, desta vez a cargo da Companhia de Danças Orientais Maira Mattar, que propõe expressões corporais de interpretação científico-histórico-político, com uma linguagem de poesia através dança, de transformação na realidade não só individual como também social. Que nos contemplará com a ativação: “Djinis (invisível)”, performance de danças orientais, na qual três danças serão apresentadas: a dança ritualística das Sacerdotisas em Hieróglifos, a dança do bastão com influências do árabe na zambra flamenca e uma performance de improviso com a interação da plateia.

    – O “Tradicional Concurso de Fantasias Gentil” + Desfile. Quem tiver a melhor fantasia e performance leva uma cortesia para uma noite e meia de amores no motel Meu Cantinho! Tirem suas fantasias do armário!

    – Como atração musical teremos o DJ Bruno Balthazar (Galo Preto) e outras surpresinhas que estamos preparando a partir de 20h!

    ABRE ALAS 14
    Abertura 03 fev 2018 às 18h
    DJ Bruno Balthazar (Galo Preto) – a partir de 20h
    Contaminação Encruzilhada Gentil “Djinis (invisível)” – às 21h
    Concurso de Fantasia Gentil + Desfile – às 23h

    Exposição aberta ao público de 05 fev a 10 mar 2018

    Horários de visitação:
    Segunda à sexta de 12h às 19h
    Sábados de 12h às 17h